Bayeux têm novo prefeito, Kita toma posse

“Missão dura e árdua que recebemos”. A afirmação é do prefeito interino de Bayeux, Jefferson Kita (Cidadania) ao tomar posse do comando da Prefeitura em sessão na tarde desta quinta-feira (21), na Casa de Severaque Dionísio. Para Kita, a pandemia e o ano eleitoral tornam “a missão mais difícil” e dão o tamanho de sua responsabilidade, a qual vai desempenhar com excelência e em prol da população do município.

“Vamos assumir em um ano de eleição e com uma pandemia. Assumimos no pior momento que poderia assumir um prefeito interno. A missão vai ser difícil, mas peço sabedoria a Deus para tirar Bayeux desse caos administrativo”, afirmou Kita.

O atual prefeito destaca que não sabe como encontrará as finanças do município, mas já prometeu austeridade e responsabilidade fiscal.

“Não sabemos o rombo que iremos encontrar na prefeitura, mas iremos fazer um enxugamento na folha, pois só assim encontraremos o equilíbrio. Vamos pedir ajuda aos entes federados”, disse.

De acordo com Kita, não dá para se esperar um milagre repentino, o trabalho será feito gradativamente, sempre visando a melhoria da cidade. “Pedimos compreensão à população, pois não iremos fazer milagre da noite por dia, mas faremos o possível para tirar Bayeux desse caos administrativo e político”, finalizou o prefeito.


Deixe um Comentário

Relacionados