PMJP
05 . Dez . 2017

Prefeito afastado de bayeux revela que suspeitava das articulações do vice para derruba-lo

Em: POLÍTICA
“A lição que fica é que não podemos confiar em todo mundo”, declarou o prefeito afastado de Bayeux, Berg Lima (sem partido), sobre sua relação com o prefeito interino de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), durante entrevista na manhã desta segunda-feira (5), ao programa BandNews.
 
Berg destacou que havia sido alertado pelas supostas articulações políticas de Luiz. “Existem gravações em que Luiz disse: se houvesse golpe, vou convidar ele (Berg) para ser meu chefe de gabinete. Para um vice-prefeito chegar em um evento oficial do município e falar isso é no mínimo suspeito”, revelou.
 
O prefeito afastado explicou que preferiu fechar os olhos e acreditar no vice, afinal de contas, haviam sido eleitos juntos e tinham um novo projeto para cidade. “Por ser generoso demais acabei nesta situação. Dá ouvidos a certas pessoas que se posam de amigos e aliados. Na política aprendemos na dor, a não confiar”, ressaltou. 
 
Questionado caso volte à prefeitura como seria a relação com o vice, Berg disse que vai ser uma relação instituiciuional, porque ficou claro o rompimento. “Em Bayeux infelizmente existe esta tradição do prefeito romper com o vice”, desabafou o prefeito afastado. Com informações do WSCom.
 
Comente

Últimos Comentários

    Nenhum resultado encontrado.