Eleições 2020: Romero descarta candidatura de Cássio a prefeito, em CG

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), afirmou que é muito pouco provável que o ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB) entre na disputa pela sucedê-lo nas eleições de 2020.

Romero revelou que Cássio montou um escritório de advocacia, em Brasília, e tem contratos assinados com empresas por mais de um ano e, se fosse candidato, teria que quebrar os contratos.

“Eu acredito que será muito difícil a possibilidade de candidatura de Cássio, talvez, por motivo profissional mesmo. Há compromissos assumidos na Capital Federal no escritório que ele montou”, justificou Romero.

O prefeito afirmou que existem cinco pré-candidatos de seu grupo a prefeito, mas a definição será feita após conversas com os partidos aliados, no primeiro semestre do próximo ano. Ele revelou ainda que buscará diálogo com o MDB, presidido no município pela médica Tatiana Medeiros, sua ex-rival em 2012, e lembrou que Cassiano Pascoal, filho de Tatiana, ocupa um cargo de confiança na STTP. Com Paraíba Já.


Deixe um Comentário

Relacionados